quinta-feira, 22 de maio de 2014

Concursados de Marituba voltam a lutar por nomeações


Em dezembro de 2007, o então prefeito de Marituba Antônio Armando, realizou, através da Esamaz – Escola Superior da Amazônia, o Concurso Público 001/2007, ofertando, um total de 2.299 vagas para todos os órgãos do município.
Passados sete anos e muitas ações ajuizadas no Tribunal de Justiça do Estado, aliada a má vontade dos prefeitos que por lá passaram, nenhum dos aprovados foi nomeado. A perlenga judicial é devida a uma ação de anulação do certame, movida pelo Ministério Público Estadual, que descobriu que Antônio Armando contratou a Esamaz, sem a devida licitação.
Em resposta a essa ação, a Prefeitura de Marituba e a Esamaz interpuseram Recurso de Apelação, considerando que a decisão de anulação do certame não levou em conta uma jurisprudência do próprio STF, quando determinou a validade de um concurso feito de forma semelhante. Assim, Antônio Armando, conhecido durante seu mandato por tratar o município de Marituba como um feudo pessoal, realizou o concurso, divulgando na imprensa a relação dos aprovados. O que levou o MPE a recorrer, através de Agravo Regimental.
No entanto, pelo fato deste recurso não possuir efeito suspensivo, as nomeações de todos os aprovados ficou garantida. O que é justo, uma vez que não são os concursados os responsáveis por toda essa situação.
Anos se passaram e, mesmo podendo realizar as nomeações dos concursados, os prefeitos que por lá passaram, nestes últimos sete anos, não tiverem o menor interesse em proceder as convocações dos aprovados no certame, ficando livres para contratar milhares de comissionados e temporários de acordo com os seus interesses políticos.
Não foram poucas as reuniões propostas pela Associação dos Concursados do Pará, que, infelizmente, não contava com o apoio dos próprios concursados.
Interessada em reativar a luta dos concursados de Marituba, a Subsede do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Estado (SINTEPP), convocou todos os aprovados no certame e a população em geral para uma reunião na Câmara Municipal do município, nesta quinta-feira, dia 22 de maio, às 8 horas da manhã.

13 comentários:

Eliton modesto disse...

Eu não tô acreditando,após 7 anos ainda exita uma " luz no fim do tuneo ".felizmente passei em outro concurso, mais tô muito ansioso pelas novas notícias assim que tiver tempo vou sim participar dessa nova luta ,muita fé em Deus dessa vez vai dar tudo certo boa sorte atodos.

Anônimo disse...

Eu passei no concurso e quero a minha vaga!!!

Anônimo disse...

Só Deus mesmo!!!

nete silva disse...

Quero entrar nesta luta,pois nao aguento mais ficar sofrendo como temporario,depois de ter dado tudo de mim nesse concurso,passei em 27para tecnico de enfermagem

nete silva disse...

Tbm estou na reserva da sesma ,qro entrar nessa luta,estarei la dia 2se Deus quizer

Anônimo disse...

Só agora fiquei sabendo.quero acompanhar de perto. Fui aprovada e injustiçada. Tenho fé na força do sindicato.

Anônimo disse...

por que ta demorando tanto a justiça definir a setença favoravel ao concursado. gente é uma falta de vontade ou interece , sabe lá

Anônimo disse...

a ultima movimentaçao do processo ocrreu no dia 26/06/2014

Anônimo disse...

O que fico resolvido nesta reunião gostaria de saber por favor

Anônimo disse...

Alguem sabe o numero do processo, re passe por favor.

Anônimo disse...

Vc sabe o numero processo passe adiante

Anônimo disse...

Poxa também gostaria de saber o numero do processo? gente faz tempo fiqei em 3º nesse concurso...

Joao Filho disse...

0035659-72.2008.8.14.0133

Novo Numero de processo.