quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Prestes a ser privatizada, Cosanpa anuncia novo concurso público


A Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa) publicou na edição nº 33.310, do Diário Oficial do Estado, veiculado nesta quarta-feira (8), contrato de Dispensa de Licitação nº 001/2017, com a FADESP, para prestação de serviço especializados de organização e sistematização de Concurso Público, com vistas ao preenchimento de vagas em cargos de provimento efetivo do quadro de empregados e cadastro de reserva.
A contratação da FADESP, ao custo de cerca de um milhão de reais (R$ 991.680,00), foi assinada no último dia 7 de fevereiro, pelo presidente em exercício da companhia, Fernando José da Costa Martins e ocorre justamente às vésperas da privatização da companhia, que atravessa uma das piores gestões da sua história.
Fundada em 1970, a COSANPA, que tem origem no antigo Departamento de Águas e Esgotos do Estado do Pará, é a única empresa responsável pelo abastecimento de água e saneamento básico de todo o estado.
Apesar de sua história e importância, a companhia vem sendo cruelmente precarizada pelo governador do Estado Simão Jatene (PSDB), com vistas à convencer a população da necessidade da sua privatização.
Para o presidente da Associação do Concursados do Pará, José Emílio Almeida, a realização de um concurso público na Cosanpa, às vésperas da sua privatização, demonstra má-fé do governo. "Como entender esse concurso público, se todos sabemos que os aprovados nunca serão chamados, uma vez que é iminente a privatização da Cosanpa?"
Para Emílio, a abertura do concurso público visa apenas a "arrecadação de dinheiro fácil com as inscrições dos candidatos, que mais tarde virão a sofrer a espera das nomeações, que nunca serão feitas. Inclusive o absurdo valor do contrato de prestação de serviço com a FADESP, revela estranha avidez dos interessados na realização do certame", denuncia Emílio.
O dirigente da Asconpa pedirá a suspensão da abertura do certame até que todos os fatos sejam esclarecidos e sejam descartadas as chances de privatização da companhia.

2 comentários:

Elvis Sa disse...

ate quando vamos aceitar esses ditadores. nos devemos mostrar nas ruas toda nossa indignação

Anônimo disse...

Regina Bentes
Hoje estava previsto para sair o resultado de isentos da taxa de pagamento do concurso da COSANPA, as 17 hs horas, do dia 18 de abril de 2017, e até este exato momento 20:45hs não tem nada disponível, nem se quer um comentário pelo atraso.( Da pra pensar que besteira)Ou eles estão vendo que o pedido de isenção é maior do que o numero de pagamento, pra ver se vale a pena da isenção ou não. Não é espanto se isso acontecer o governador estudou nas cartilhas dos políticos corruptos, anti humano que assolam nosso país.